quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Dicas para seu bebê dormir facilmente

Sonho
Existe algum pai no mundo que não deseje ver o filho ir para a cama sem reclamar?




Uma forma de conseguir essa proeza é criar um ritual para a hora de dormir. Bebês e crianças pequenas são criaturas de hábitos e adoram previsibilidade no dia a dia, o que torna o ritual tão útil.

Preparado? Selecionamos algumas dicas infalíveis para criar esse momento e ajudar seu bebê a terminar o dia feliz e tranquilo. Confira!




Sim! Isso você pode:
- Crie uma rotina. Um banho morno seguido de uma história, uma música ou mesmo colocar a criança na cama com seu brinquedo favorito.

- Quando a hora de dormir estiver chegando, avise, para que a criança não relute.

- Seja firme, ou o ritual perde a credibilidade!




- Mantenha uma rotina simples, sem truques mirabolantes. Mais que 30 minutos de ritual é demais.

- Seja flexível. Se a criança estiver doente ou estressada, você pode esticar a hora de dormir.

- Dê atenção total à criança.




O que não fazer:
- Estimular demais seu filho. Retire os brinquedos e nada de televisão.

- Manter a luz acesa. Seu filho precisa aprender a diferença entre dia e noite. Mantenha um abajur com iluminação suave, caso ele tenha medo do escuro.

- Dar a mamadeira na cama. Além de causar cáries (pois o bebê não vai escovar os dentes depois!), seu filho pode não conseguir dormir novamente se acordar no meio da noite e encontrar a mamadeira vazia.




Zero a três meses: recém-nascidos ainda não estão adaptados à rotina e também não diferenciam dia e noite. Nas primeiras semanas, deixe-o dormir enquanto mama. A partir da décima semana, comece a deixá-lo dormir sozinho. Caso ele acorde, nada de conversa: troque-o, alimente-o e coloque na cama novamente. Quanto mais rápido for, mais fácil ele vai entender a mensagem.




Quatro a seis meses: seu filho já dorme de seis a 12 horas sem interrupção. Deixe que ele choramingue um pouco na cama – ele pode voltar a dormir sozinho. Se o choro persistir, vá até o berço e o acaricie, mas sem pegá-lo no colo. Ele vai se acalmar e voltar a dormir.

Sete a 12 meses: o bebê já sente saudade quando não encontra os pais. Se ele acordar durante a noite, acalme-o no berço, sem pegá-lo no colo. É comum que os bebês acordem enquanto “treinam” novas habilidades durante o sono, como dar impulsos para ficar de pé.




12 a 18 meses: se seu filho ainda acorda à noite, tente acordá-lo antes, por volta das 23h. Alimente-o e acaricie suas costas, explicando que agora é hora de dormir sozinho. Por algum motivo, acordar a criança primeiro quebra o ciclo de despertar no meio da noite.

Dois anos: já é hora de trocar o berço pela cama. Se a criança estiver insegura, durma no quarto dela por algumas noites para tranquilizá-la. Não a leve para o seu quarto, ou seu bebê vai querer fazer isso todas as noites.


Fonte: Meu bebê